Você já se perguntou o porquê escolher a proteção veicular? A proteção veicular é realizada por cooperativas ou associações sem fins lucrativos, que visam o benefício mútuo entre todos associados. Trata-se de uma maneira de proteger seu veículo (contra colisões, roubos, furtos qualificados, incêndio, etc.) e sentir-se seguro com a proteção veicular sem um gasto elevado, pois custam em média 30% menos do que o seguro tradicional. Saiba mais

As associações de proteção veicular são sociedades civis sem fins lucrativos, que visam o benefício mútuo de todos associados. O valor investido é mais acessível porque o custo de uma indenização após um evento – como colisão, incêndio, roubo ou furto – é rateado mensalmente entre todos os associados. Saiba mais

A proteção veicular é realizada por meio de associações sem fins lucrativos, com o intuito de buscar o menor custo para seus Associados por meio do rateio dos gastos com indenizações. Temos a Lei a 20.894/20 que regula a prática e funcionamento das associações em Goiás. Já o seguro auto é ofertado por seguradoras, corretoras de seguros, empresas privadas, ou seja, com fins lucrativos. Essas empresas são regulamentadas pela SUSEP, o órgão responsável pelo controle e fiscalização dos mercados de seguro, previdência privada aberta, capitalização e resseguro.

A diferença é bem simples, nas associações de proteção veicular ocorre a divisão dos riscos (prejuízos) dos veículos entre todos os Associados, enquanto os riscos (prejuízos) dos veículos que possuem seguro auto passam a ser de responsabilidade da seguradora e empresas privadas. As Associações cobrarão o valor mensal relativo à taxa administrativa e ao rateio daquilo que foi pago no mês anterior, já na Seguradora é cobrado um valor fixo que poderá ser pago de uma só vez ou parcelado. Saiba mais

Ter uma proteção veicular vale a pena e poder fazer toda a diferença no seu dia a dia e também no seu bolso. O serviço é uma necessidade real, principalmente em cidades grandes como Goiânia, em que os números de acidentes, furtos e roubos de veículos são altos. Por custar em média 30% a menos que o seguro tradicional, a proteção veicular é uma ótima opção para proteger o seu patrimônio gastando menos. Saiba mais.

A procura por proteção veicular para motos cresce a cada dia, entre outros motivos pelo aumento do número de profissionais que realizam entregas a domicílio, através de aplicativos de entrega. A Associação Múltipla oferece a melhor proteção veicular para motos.

Atuando no mercado goiano desde 2012 e com mais de 20 mil Associados, a Associação Múltipla sempre se preocupou em oferecer atendimento personalizado e a melhor experiência aos Associados. Além de oferecer a melhor proteção veicular em Goiânia, com diversas vantagens e benefícios enxergamos como um grande diferencial priorizar as indenizações integrais em muitos casos em que poderia tentar reparar o veículo. Com um bom planejamento financeiro e gestão, é possível promover e garantir maior tranquilidade aos Associados.

A Associação Múltipla é regida em concordância com a legislação civil aplicável, com seu estatuto social e regulamento interno. É importante certificar-se de que a Associação é filiada à AAAPV, principal agência de regulação do setor associativista. E também esteja de acordo com Lei a 20.894/20, que regula a prática e funcionamento das associações em Goiás. Proteção veicular é legal!



O seu veículo é avaliado pela TABELA FIPE. Ela é uma tabela de referência para os preços médios dos veículos no mercado nacional. Seus dados são disponibilizados mensalmente após pesquisas de mercado da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). Vale ainda ressaltar que a Tabela FIPE não considera opcionais do carro, então se seu carro possui rodas diferentes, som alternativo etc., não estarão protegidos.
É a divisão ou distribuição proporcional dos prejuízos cobertos pelo programa entre todos os associados. Este sistema é muito mais justo e eficaz uma vez que somente é cobrado por prejuízos já ocorridos e não por riscos futuros que podem não acontecer.
São vários os benefícios, como: assistência 24 horas, guincho, socorro em caso de pane elétrica/mecânica, taxi, hotel, carro reserva, proteção de vidros e periféricos, proteção contra roubo, furto, incêndio, colisão e desastres naturais, proteção contra terceiros e muito mais!.
É a participação compulsória do associado nos prejuízos advindos de um evento como incêndio, colisão, perda total, roubo, furto qualificado e terceiros.
A proteção do veículo passa a vigorar a partir das 00:00 horas do dia subsequente a aceitação da vistoria prévia realizada no veículo. Exceção para os veículos que há exigência de instalação de rastreador, que a proteção contra roubo e furto qualificado passa a vigorar a partir da instalação do rastreador.
Sim, a assistência 24 horas é ativada em 5 dias úteis, após a aceitação da filiação. Veículos que necessitam de rastreador, passam a estarem protegidos a partir da instalação do rastreador, que pode ocorrer em até 5 dias úteis da aceitação da filiação. E a proteção de vidros e periféricos tem carência de 30 dias, contados da aceitação da proposta de filiação.
Não, a duração da proteção é por tempo indeterminado bastando somente estar em dia com as mensalidades, podendo o associado desligar-se a qualquer momento mediante solicitação prévia.
Não, o não pagamento do boleto mensal em até 3(três) dias corridos após o vencimento, determina a suspensão automática da participação no programa de proteção; para continuar a fazer jus à proteção e os benefícios que ela garante, deverá o associado solicitar um boleto atualizado e realizar uma nova vistoria obrigatória.
Para dar entrada ao processo, o associado e o condutor do veículo devem comparecer à sede da associação com os seguintes documentos: Boletim de Ocorrência; (obrigatório fazer o B.O. na hora do evento), Documento do Veículo Atualizado; CNH do Associado/Condutor no ato do evento; Comprovante de Endereço Atual; Pagar a Cota de Participação. Em caso de envolvimento de terceiro a mesma documentação é exigida.
Caso o evento ocorra antes de completar 12 (doze) meses da filiação, deverá permanecer associado pela quantidade de meses que faltar. Sendo a indenização integral, as mensalidades dos meses que faltarem para completar 12 (doze) meses de filiação poderão ser descontadas diretamente da indenização. Caso contrário não há qualquer obrigação.
Não, são cobertos apenas itens de fábrica, obedecendo ao preço de mercado (tabela FIPE); não são protegidos itens considerados acessórios ou similares, tais como: rodas, equipamentos de som, Kit Gás (GNV), engate, insul-film, calotas, frisos laterais de porta, sensor de estacionamento, grade cromada, peito de aço, farol de milha adaptado e etc,.
A adesão do associado far-se-á mediante o preenchimento da proposta de filiação/termo de adesão/laudo de vistoria prévia acompanhada de cópias dos seguintes documentos:
a) Carteira nacional de habilitação – CNH, válida, não podendo a mesma estar vencida.
b) CRLV do ano vigente dos equipamentos a serem cadastrados
c) Nota fiscal do revendedor ou fabricante (tratando-se de equipamentos ‘‘0’’ km);
d) Comprovante de residência atualizado;
e) Indicação de um associado efetivo da Associação MÚLTIPLA, quando necessário;
f) Contrato social ou estatuto social, caso o equipamento esteja em nome Pessoa Jurídica;
Para isso, basta entrar em contato, pelo telefone (62) 3624-5765, e solicite a visita de um de nossos consultores, ou se preferir faça uma visita a um de nossos escritórios, teremos um grande prazer em atende-lo.